Quinta-feira, 23 de outubro de 2014
:
banner
IMPRENSA

Agência UDOP de Notícias

Editorias

Galerias

Mídias Sociais

RSS

TV UDOP

Apoio Cultural

Contatos

Home > ÚLTIMAS NOTÍCIAS Diminuir a letra Aumentar a letra
Em meio a safra recorde, custo do transporte aumenta 70%  

27/02/13 - No momento em que o país começa a colher a maior safra de sua história - 185 milhões de toneladas de grãos e oleaginosas, 11% a mais que a safra anterior -, os produtores se deparam com a disparada do preço do frete para o transporte rodoviário dos produtos agrícolas. Só na última semana, o valor subiu entre 20% e quase 70%, dependendo da região.

Quem pagou na semana passada R$ 80 por tonelada para escoar a produção agrícola de Campo Verde ao terminal ferroviário de Alto Taquari, no Mato Grosso, agora precisa desembolsar R$ 135 por tonelada, uma alta de 68%. Também em uma semana subiu 20% o preço do frete no trecho Sorriso (MT) a Paranaguá (PR) e Sorriso a Santos (SP), segundo Cleber Noronha, analista do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

O instituto estima que, só em Mato Grosso, a variação do preço do frete neste ano possa dobrar em relação aos 35% de aumento registrado no ano passado. O custo do frete vem engolindo o ganho do produtor com a venda do seu produto. Considerando as cotações atuais da soja em Mato Grosso, por exemplo, o custo do transporte representa 23%, em média, do valor pago pela commodity - ante 20% em fevereiro de 2012.


Preço da soja cai

No Paraná, outro estado com forte peso na produção de grãos no país, o custo do frete quase dobrou no caso da soja. No ano passado, cerca de 8% a 10% do valor da produção era destinado a bancar o transporte. Neste ano, esse percentual subiu para 15%, pelas contas da Organização das Cooperativas do Estado do Paraná (Ocepar). No caso do milho, o peso passou de 12% para 20%.

- Além do aumento do preço do frete, os preços pagos pela soja e o milho caíram, devido ao aumento da produção. O produtor, que recebia R$ 65 pela saca de soja no ano passado, hoje recebe entre R$ 50 e R$ 55 - explicou Nelson Costa, superintendente-adjunto da Ocepar.


Sem carretas na estrada

Além da demanda extra decorrente da safra maior, o recente reajuste do óleo diesel, a entrada dos novos motores que utilizam o diesel S50 (com preço mais alto) e os efeitos da chamada "Lei do caminhoneiro" (lei 12.619, aprovada em abril de 2012) também explicam a alta no custo do transporte neste ano.

A lei regula o horário de trabalho dos motoristas de caminhões. Estabelece, por exemplo, um descanso de meia hora a cada quatro horas rodando na estrada. Após uma jornada de 11 horas, é obrigatória uma parada de 24 horas. A consultoria Datagro estima que as novas regras para os caminhoneiros tenham tirado das estradas até 500 mil carretas e, proporcionalmente, impactado os preços do frete em até 28%.

Para Marcos Jank, especialista em agronegócio e bioenergia e ex-presidente da Unica (que congrega as usinas de álcool e açúcar), o peso do frete pode chegar a 40% do valor da produção de soja, dependendo da região do país. No caso do milho, o frete compromete 54% do seu valor. Segundo ele, na média, os preços do frete devem ficar entre 25% a 50% mais altos neste ano para o agronegócio brasileiro.

Pelos dados oficiais, o país é o hoje o maior produtor (84 milhões de toneladas) e exportador (41 milhões de toneladas) mundial de soja. O Brasil também tomou dos americanos a posição de primeiro exportador mundial de milho (com 25 milhões de toneladas, contra 23 milhões nos EUA).

- O sentimento é que, com o pico da safra e os caminhões produzindo menos, o frete aumente ainda mais nos próximos meses - afirmou Neuto Gonçalves dos Reis, diretor da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC).


26/02/13
Lino Rodrigues e Paulo Justus

Fonte: O Globo



Notícias Relacionadas:
 22/10 - Bagaço de cana-de-açúcar gera economia de 7% em usinas hidrelétricas
 22/10 - Safra de cana deve ficar em 544 mi de t no Centro-Sul, prevê Canaplan
 22/10 - Na China, importação de açúcar cai 39% em setembro, para 360 mil t
 22/10 - A maior do mundo
 22/10 - Brazil waits on better prices to export more sugar
 22/10 - Pesquisas que apontam reeleição presidencial influenciam e fazem preços do açúcar cair
 22/10 - Nova estimativa reduz, mais uma vez, a previsão de safra da cana
 21/10 - Usineiros esperam que recuperação da gasolina estimule consumo de etanol
 21/10 - Apesar da seca, colheita de cana da Guarani segue no prazo programado
 21/10 - Moagem de cana de açúcar deve atingir 550, 2 milhões de toneladas
 21/10 - Em 12 meses, incêndio afeta três terminais
 21/10 - Exportações recuam 17,3% na média em outubro
 21/10 - Economia de energia no ES equivale a 4 meses de Aracruz, prevê Escelsa
 21/10 - Biosev: causa de incêndio em terminal está sendo apurada
 21/10 - Incêndio consome mais de 50 mil toneladas de açúcar em Santos
 22/10 - Estiagem longa no Rio de Janeiro pode deixar população sem água
 22/10 - Mistura de etanol na gasolina deve subir para 27% em 2015
 22/10 - Safra de cana deve ficar em 544 mi de t no Centro-Sul, prevê Canaplan
 22/10 - Sem chuva, água do Alto Tietê só dura mais 2 meses
 22/10 - Importações chinesas de petróleo do Irã crescem 5,8% em setembro
 22/10 - Presidente da Siamig destaca importância do incentivo ao etanol hidratado
 22/10 - Raízen: Usina Costa Pinto começa a produzir etanol de 2ª geração em novembro
 22/10 - Exportação de etanol em 2014/15 deve cair 57,6%, prevê SCA
 22/10 - Na China, importação de açúcar cai 39% em setembro, para 360 mil t
 22/10 - Chuvas permitem retomada do plantio de soja em Mato Grosso e Paraná
 22/10 - Cotações podem reverter
 22/10 - Tarifa de luz já subiu 17,63% e pode ficar maior até fim do ano
 22/10 - Preços de combustíveis em João Pessoa variam até 17,8%, diz Procon
 22/10 - Governo prevê avanço de 1% no valor da produção agropecuária
 22/10 - Renda da produção agrícola e pecuária de MS deve crescer 2,47%
 14/10 - Anfavea vislumbra 2015 melhor para o setor automotivo
 13/10 - Hyundai expande produção de carros movidos a hidrogênio
 13/10 - Custo do elétrico é quatro vezes menor
 07/10 - Montadoras vão atrás de acordos de exportação
 02/10 - Venda de automóveis cai 3,88% em setembro, diz Fenabrave
 29/09 - Carro híbrido deve ser incluído no Inovar-Auto
 23/09 - Vendas de motos crescem na 1ª quinzena do mês, diz Abraciclo
 04/09 - Demanda, e não o crédito, segura venda de carros, vê entidade
 03/09 - Fenabrave aposta em recuperação do setor no último trimestre do ano
 03/09 - Carros elétricos atrapalham o trânsito em Oslo
 02/09 - Entenda as diferenças entre motores a combustão e elétricos
 02/09 - Venda de carros cai 7,4% em agosto, diz Fenabrave
 29/08 - Investimentos têm queda de 5,3% no segundo trimestre
 25/08 - Montadoras: e o motor mais eficiente?
 25/08 - Alta de energia perde força, e inflação pelo IPC-S desacelera em prévia
 21/10 - Brasil segue atraindo investimento internacional no agronegócio
 21/10 - Colheita recorde dos Estados Unidos não garante bonança norte-americana
 17/10 - Commodities devem manter queda, aponta relatório do Banco Mundial
 15/10 - Safra e dólar reduzem preço das commodities
 10/10 - Preço em queda das commodities preocupa governo
 08/10 - IC-Br tem alta de 1,01% em setembro ante agosto
 08/10 - Com alta de produtos agropecuários, índice de commodities sobe 1,01% em setembro
 07/10 - Aumentam negócios de commodities na BM&FBovespa em setembro
 03/10 - O mercado de commodities e o desequilíbrio comercial
 01/10 - Balança comercial será mais um problema para o governo em 2015
 30/09 - Dólar ajuda a reduzir preço das commodities
 29/09 - BC prevê recuo no preço da soja e do milho
 29/09 - Queda de preços das commodities desafiará saldo comercial brasileiro em 2015
 26/09 - Commodities no exterior impulsionaram alta no IPP
 26/09 - Geller espera recuperação nos preços das commodities para 2015
 22/10 - Cotações podem reverter
 22/10 - Renda da produção agrícola e pecuária de MS deve crescer 2,47%
 22/10 - Chuvas em Lucas do Rio Verde fazem produtores retomarem plantio de soja
 21/10 - Chuvas permitem retomada tímida do plantio de soja em Mato Grosso
 21/10 - Colheita de soja e milho cresce nos EUA, mas inferior à média de 5 anos
 21/10 - IGPs desaceleram em outubro, mas FGV não espera deflação
 21/10 - Queda no preço da soja leva produtores do PR a diversificar
 21/10 - Em setembro, custo de produção de soja safra 2014/15 sobe em MT
 21/10 - Tempo seco atrapalha o andamento do plantio da safra de soja em MT
 20/10 - Plantio de soja no Brasil é o mais atrasado desde 2008/09, diz AgRural
 20/10 - MT teme por nova crise
 20/10 - Pequenos produtores enfrentam dificuldade para sobreviver em MG
 20/10 - Chuvas tardias atrasam plantio de soja em Minas
 20/10 - Atraso no plantio da soja em MT gera incertezas sobre safrinha do milho
 20/10 - Seca faz plantio evoluir pouco em Mato Grosso e atraso da soja aumenta
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Medalha da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Editorias
• Galerias
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/