UDOP - União Nacional da Bioenergia
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Governo vai dividir R$ 17 bi de recursos do pré-sal com Estados e municípios  

25/03/2019 - A equipe econômica bateu o martelo e vai transferir parte dos R$ 17 bilhões do Fundo Social, abastecido com recursos do pré-sal, para Estados e municípios a partir de 2020. O fundo foi criado em 2010 para ser uma poupança do governo, que ajudaria a financiar o desenvolvimento do País quando o dinheiro vindo do petróleo diminuísse.

Os R$ 17 bilhões são uma projeção da Agência Nacional de Petróleo (ANP) para os recursos obtidos com a exploração do óleo este ano, segundo o secretário de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues Júnior. Mas o fundo pode ter mais dinheiro, em função do leilão do petróleo da área da cessão onerosa e dos excedentes.

Em 2010, a União e a Petrobrás assinaram o acordo da cessão onerosa, que permitiu à estatal a exploração de 5 bilhões de barris de petróleo na Bacia de Santos. À época, a Petrobrás pagou R$ 74,8 bilhões. A expectativa do governo, porém, é que a área pode render mais 6 bilhões de barris. A União quer fazer um leilão do volume excedente, previsto para 28 de outubro.

Hoje, 100% do Fundo Social pertence à União. O porcentual que será transferido para Estados e municípios em 2020 não foi definido, mas a ideia é aumentar essa parcela até chegar a 70%, segundo apurou o Estado, em um período de 20 anos.

No curto prazo, o governo negocia uma ajuda para os Estados com uma combinação de mais recursos da Lei Kandir e um novo programa de socorro que antecipa receitas. O Plano de Equilíbrio Financeiro (PEF), como vem sendo chamado o projeto, vai dar uma saída para que governadores consigam dinheiro novo, antecipando recursos que serão obtidos ao longo do mandato em troca da aprovação de medidas de ajuste fiscal que terão de ser aprovadas pelas Assembleias Legislativas.

´Balão de oxigênio´
Waldery já comunicou a decisão de fazer a divisão do pré-sal via Fundo Social aos secretários de Fazenda, em reunião do Conselho Nacional de Política Fazendária. O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem insistido que a distribuição de recursos será um "balão de oxigênio" para Estados e municípios.

Diferente do bônus de assinatura do leilão, que é uma receita recolhida uma só vez, a divisão por meio do Fundo Social representa recursos no caixa todo mês, por muitos anos.

"Estamos priorizando o déficit da Previdência, e dissemos ao governo que aceitamos carimbar essa fonte para insuficiência previdenciária", disse o governador do Piauí, Wellington Dias. Para o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, o acordo entre União, Estados e municípios é melhor do que a aprovação do projeto no Senado. Segundo ele, os governadores devem vir a Brasília esta semana para debater o assunto.

Adriana Fernandes, Anne Warth e Idiana Tomazell
Fonte: O Estado de S. Paulo
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
18/10/19 - Bovespa opera com pequenas variações
  - USDA: Vendas semanais de soja dos EUA ficam acima das expectativas do mercado
  - Se acordo para Brexit não sair, Brasil pode perder anualmente mais de US$ 700 milhões em
  exportações, calcula CNI
  - Oferta de ações do Banco do Brasil movimenta R$5,8 bi
  - Índices da China têm pior dia em um mês após dados fracos de PIB
  - Petróleo fecha em queda, de olho em sinais da demanda após dados da China
  - Produção de petróleo da Petrobras no Brasil cresce 16,9% no 3º tri
17/10/19 - Petróleo fecha em alta com dólar e Brexit; aumento de estoques contém ganhos
15/10/19 - "Tem de acelerar votação de projetos para viabilizar megaleilão", diz nº 2 da Economia
14/10/19 - Preços do petróleo caem com cautela sobre primeira fase de acordo comercial EUA-China
24/07/19 - Com venda de ações da BR Distribuidora, Petrobras foca pré-sal
19/12/18 - Primeiro leilão do pré-sal sob Bolsonaro pode arrecadar até R$ 7,85 bilhões
06/12/18 - Guedes quer adiar negociação para dividir recursos do pré-sal para o ano que vem
05/12/18 - Para destravar megaleilão, Congresso quer benefício para Cemig e gasodutos
27/11/18 - Bolsonaro tenta nova saída para cessão onerosa
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Governo vai dividir R$ 17 bi de recursos do pré-sal com Estados e municípios
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: