UDOP - União Nacional da Bioenergia

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Energia Aumentar a letra    Diminuir a letra
CNA defende revisão de norma da Aneel para descontos em energia elétrica  

16/05/2019 - A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) defende a revisão da Resolução nº 800/2017, da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que passou a exigir de irrigantes e aquicultores o licenciamento ambiental e a outorga para os descontos na energia previstos na Conta de Desenvolvimento Energético (CDE).

A principal preocupação é em relação à morosidade tanto na concessão quanto na renovação do licenciamento e da outorga das duas atividades, que levam em média dois e quatro anos, respectivamente, o que pode resultar no cancelamento dos descontos para a irrigação e a aquicultura no horário das 21h às 6h, trazendo impactos econômicos negativos para os produtores rurais.

Preocupado com a questão, o vice-presidente da CNA e presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), deputado federal José Mário Schreiner, discutiu o tema com o diretor da Agência Rodrigo Limp, na terça (14), em Brasília. O assessor técnico da Comissão Nacional de Irrigação da CNA, Gustavo Goretti, também participou do encontro.

"Há uma dificuldade muito grande com os órgãos ambientais que dão essa licença. A demora no licenciamento ambiental irá resultar no cancelamento dos descontos e precisamos de uma alternativa para solucionar essa questão", relatou Schreiner. Segundo o assessor Gustavo Goretti, além da perda dos descontos, a medida afeta culturas como feijão, tomate e arroz irrigado em regiões onde essas atividades movimentam a economia.

"Há estados onde a morosidade é muito grande na emissão e na renovação do licenciamento e da outorga. Mesmo com o produtor atendendo as demandas dos órgãos ambientais existe a necessidade de uma melhoria de procedimentos de análise e de aumento do número de técnicos para analisar esses processos.", ressaltou. O diretor da Aneel disse que vai analisar a demanda da CNA para buscar a melhor alternativa sem prejudicar o setor produtivo.

Fonte: Datagro
Texto extraído do portal Universoagro
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
18/11/19 - ONS: previsão de chuvas no Sudeste recua e carga aumenta
14/11/19 - ONS reduz previsão de chuva em hidrelétricas do Sudeste; eleva carga de energia no mês
  - Volume cai e reservatórios do Norte operam com 25,5%
  - Consumo deve crescer 1,5% este ano, estima CPFL Energia
13/11/19 - Capacidade diminui no submercado SE/CO, que opera a 20,4%
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
CNA defende revisão de norma da Aneel para descontos em energia elétrica
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: