UDOP - União Nacional da Bioenergia
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Milho: Na espera de relatório do USDA, Bolsa de Chicago abre o dia com leves altas  

12/09/2019 - A quinta-feira (12) começa com leves altas para os preços internacionais do milho futuro na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam valorizações entre 1,00 e 1,50 pontos por volta das 09h08 (horário de Brasília).

O vencimento setembro/19 era cotado à US$ 3,49 com alta de 1,50 pontos, o dezembro/19 valia US$ 3,61 com ganho de 1,25, o março/20 era negociado por US$ 3,73 com valorização de 1,50 pontos e o maio/20 tinha valor de US$ 3,82 com elevação de 1,00 ponto.

Segundo informações da Successful Farming, os futuros do milho foram mais altos nas negociações do dia para a noite, antes do relatório de Estimativas da Demanda e Oferta Agrícola Mundial (WASDE).

Analistas consultados pela Agência Reuters disseram esperar que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) calcule a produção de milho em 13,672 bilhões de bushels, com rendimento de 167,2 bushels por acre.

"Isso é menor do que as perspectivas do governo de agosto em 13,901 bilhões de bushels, com um rendimento de 169,5 bushels por acre", comenta o analista Tony Dreibus.

Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
17/09/19 - Milho: Bolsa de Chicago segue em baixa nesta terça-feira
  - Soja/EUA: exportadores relatam vendas de 260 mil t para a China
  - Na véspera, o dólar fechou em alta de 0,05%, a R$ 4,0892.
  - Índices europeus alternam estabilidade e leve baixa com foco em impactos de ataque na Arábia Saudita
  - Cotações do milho abrem a terça-feira em baixa na Bolsa de Chicago
  - Colheita do milho safrinha se encerra no Paraná, segundo Deral
  - Commodities agrícolas corrigem últimas altas e em Chicago, soja acompanha nesta 3ª
  - Milho sobe 1,63% na Bolsa de Chicago com rali do petróleo e compras de etanol
  - Mercado em Chicago deve focar na demanda pela soja americana. Uma reação consistente dos preços
  depende do apetite chinês
  - Petróleo puxa alta de açúcar e milho
  - Grãos/Deral: no Paraná, colheita da 2ª safra de milho é colhida; de trigo atinge 44%
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Milho: Na espera de relatório do USDA, Bolsa de Chicago abre o dia com leves altas
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: