UDOP - União Nacional da Bioenergia

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

FALTAM APENAS

DIAS

HORAS

MINUTOS

SEGUNDOS

PARA O EVENTO MAIS INOVADOR DO SETOR

EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Economia Aumentar a letra    Diminuir a letra
Exportações de milho e algodão são destaque em setembro  

10/10/2019 - Em setembro, as exportações do agronegócio somaram US$ 7,75 bilhões, valor 3,9% inferior em relação ao montante exportado em igual mês do ano passado (US$ 8,06 bilhões), apontam dados divulgados nesta quinta-feira (10) pela Secretaria de Comércio e Relações Internacionais, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

"A queda das exportações ocorreu em função da redução dos índices de preços dos produtos do agronegócio exportados pelo Brasil, que registraram recuo médio de 4,5%. Por outro lado, o índice de quantum aumentou 0,7% na comparação entre setembro de 2019 e setembro de 2018, ajudando a abrandar a queda no valor exportado", explica.

Do valor total exportado pelo País em setembro, o agronegócio foi responsável por 41,4% (US$ 18,74 bilhões). No mesmo mês de 2018, as exportações do agronegócio tiveram participação de 42% nas exportações totais. As importações de produtos do agronegócio apresentaram baixa, passando de US$ 1,07 bilhão em setembro de 2018 para US$ 1,05 bilhão em setembro de 2019, queda de 2,1%.


Milho

As exportações de milho alcançaram recorde histórico para os meses de setembro em quantidade e valor. Foram exportadas 6,5 milhões de toneladas (+93,4%), equivalente a US$ 1,1 bilhão (+85,5%). Segundo o Mapa, a safra de milho 2018/19 foi recorde, o que aumentou a oferta do cereal e ampliou o excedente para exportação.

Os embarques do milho também tiveram desempenho favorável no acumulado do ano, de janeiro a setembro. Foram US$ 4,98 bilhões (+134,7%), com a expansão de 130% na quantidade comercializada (29 milhões de toneladas).

Os principais países compradores do milho brasileiro foram: Japão (US$ 605,13 milhões), Coreia do Sul (US$ 386,40 milhões), União Europeia (US$ 371,25 milhões), Vietnã (US$ 293,96 milhões) e Taiwan (US$ 292,61 milhões).


Algodão

O algodão foi outro produto com destaque nas exportações com incremento nas vendas no mês de 50%, com US$ 229 milhões e embarques de 142 mil de toneladas (62%). "O produto tem se beneficiado das tensões comerciais entre China e Estados Unidos, com forte elevação das exportações para a China", diz nota da secretaria.

Fonte: Datagro
Texto extraído do portal Universoagro
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
19/11/19 - SP é único estado com queda do desemprego no 3º trimestre, diz IBGE
  - Milho segue subindo em Chicago nesta terça-feira na esteira da lenta colheita americana
  - Milho fecha a 2ªfeira em queda influenciada por clima bom no Brasil e incertezas comerciais
  - Milho: colheita lenta sustenta leves altas em Chicago nesta terça-feira
  - Dólar opera em alta após recorde de fechamento na véspera e chega a R$ 4,21
  - USDA informa nova venda de milho de 191 mil t
  - Soja segue em alta na Bolsa de Chicago nesta 3ª, mas sem força e à espera de notícias
  - Safra 2019/20 de soja deverá ter uma área 2,3% maior
  - PIB-Agro: Pecuária mantém em alta PIB do agronegócio em agosto
  - Pecuária do Brasil crescerá 7% em 2019 com impulso da China e sustenta PIB agro
  - Dólar sobe a R$ 4,20, o maior valor de fechamento da história
18/11/19 - Milho: Demanda aquecida segue elevando preços no spot
14/11/19 - Safra de grãos 2019/20 deve crescer 1,8%
13/11/19 - IBGE estima queda de 1% na safra de grãos em 2020
  - Conab: Produção de 246 milhões de toneladas garante o recorde da safra de grãos
28/10/19 - IGC reduz estimativa para safra mundial de grãos 2019/20
24/10/19 - Grãos: IGC reduz previsão de estoques globais no fim de 2019/20 para 592 mi de t
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Exportações de milho e algodão são destaque em setembro
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: