UDOP - União Nacional da Bioenergia
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Combustíveis Fósseis Aumentar a letra    Diminuir a letra
Preços do petróleo recuam após EUA registrarem aumento de estoque e produção recorde  

18/11/2019 - Os preços do petróleo recuaram nesta quinta-feira, com os contratos futuros da commodity nos Estados Unidos pressionados por um avanço nos estoques domésticos e pelo recorde de produção no país, embora as perdas tenham sido limitadas por estimativas da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) prevendo um superávit petrolífero aquém do esperado.

Os futuros do petróleo Brent fecharam a 62,28 dólares por barril, queda de 0,09 dólar, enquanto o petróleo dos EUA recuou 0,35 dólar, para 56,77 dólares o barril.

Os estoques de petróleo dos EUA avançaram em 2,2 milhões de barris na semana passada, disse a Administração de Informação sobre Energia (AIE), superando a expectativa de analistas ouvidos pela Reuters, que previam uma alta de 1,649 milhão de barris. A produção atingiu uma máxima recorde.

"Hoje tudo está relacionado ao relatório de estoques", disse Phil Flynn, analista do Price Futures Group. "O aumento na oferta de petróleo bruto foi um tanto quanto decepcionante."

A produção de petróleo dos EUA avançou 200 mil barris por dia (bpd), para um recorde semanal de 12,8 milhões de bpd, disse a AIE em seu relatório.

No início da sessão, o mercado chegou a avançar 1%, após a Opep apontar para um superávit global de petróleo menor no próximo ano, embora ainda espera que sua demanda diminua, com rivais aumentando o bombeamento.

14/11/19
Noah Browning, Florence Tan e Aaron Sheldrick
Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
11/12/19 - EUA devem se tornar exportador líquido de petróleo em 2020, diz AIE
  - Produção de petróleo da Venezuela em novembro tem maior nível desde aperto em sanções
10/12/19 - Petrobras vende campos terrestres na Bacia Potiguar por US$266 mi
09/12/19 - Opep e sócios vão reduzir produção em mais 500 mil barris diários
  - China amplia importações de petróleo, minério de ferro e cobre em novembro
06/12/19 - Arábia Saudita e Rússia ganham apoio para ampliar cortes na produção de petróleo
  - Opep+ decide cortar mais 500 mil bpd; nova reunião ocorrerá em março, dizem fontes
  - Preços do petróleo têm pouca alteração, apesar de plano da Opep para novos cortes
  - Opep e aliados chegam a acordo para aprofundar cortes de produção
05/12/19 - Estoques de petróleo dos EUA caem mais que o esperado, aponta DoE
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Preços do petróleo recuam após EUA registrarem aumento de estoque e produção recorde
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: