Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Dólar alto pode amenizar queda dos preços do açúcar e equilibrar safra
Publicado em 27/04/2020 às 08h45
Foto Notícia
Na sexta-feira (24), os contratos futuros do açúcar registraram queda nas bolsas internacionais. Em Nova York, o lote para maio/20 foi firmado em 9.73 centavos de dólar por libra-peso, queda de 11 pontos. O vencimento para julho/20 recuou 20 pontos e fechou em 9.81 centavos de dólar por libra-peso. Os outros contratos recuaram entre 23 e 35 pontos.

Ainda na sexta-feira, a Reuters publicou que o açúcar será importante para equilibrar a safra brasileira. "Com preços em reais fortalecidos por um dólar em máximas históricas, acima de 5,70 reais nesta sexta-feira, o adoçante ganha competitividade no exterior, e poderá amenizar os prejuízos decorrentes da acentuada queda na demanda e valores do etanol devido a medidas de isolamento implementadas para combater o Covid-19".

Em Londres os contratos para agosto/20 recuaram 4,60 dólares sendo firmados em US$ 317,40 a tonelada na última sexta-feira. O lote para outubro/20 fechou em US$ 310,40 a tonelada, queda de 4,40 dólares. Os demais contratos foram fixados com queda entre 1,30 e 4,60 dólares.

"Alguns analistas acreditam que o impacto do coronavírus pode diminuir o consumo mundial de açúcar entre 5 e 13 milhões de toneladas. Exatamente no momento em que teremos que produzir mais açúcar porque também o mercado de energia vai sofrer um enxugamento de demanda sem precedentes. É mandatório que o governo federal implemente o financiamento de estoques de etanol de maneira rápida e eficiente", analisou o diretor da Archer Consulting, Arnaldo Luiz Corrêa.


Mercado doméstico

Na última sexta-feira (24), em São Paulo, a saca de 50 kg de açúcar cristal fechou em R$ 76,58, pelo indicador Cepea/Esalq, da USP, com queda de 0,55% quando comparado ao valor registrado na véspera.
Rafaela Giomo
Fonte: Agência UDOP de Notícias
Copyright© 2008 - UDOP.
Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução, desde que citada a fonte.
Mais Lidas