Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Futuro do açúcar fecha misto em Nova York; Londres sobe
Publicado em 04/12/2020 às 08h28
Foto Notícia
O mercado futuro do açúcar bruto de Nova York, na ICE, fechou misto nesta quinta-feira (3) com alta nas 4 primeiras telas e queda nas demais. No vencimento março/21, a commodity fechou negociada em 14,71 centavos de dólar por libra-peso, alta de 11 pontos no comparativo com a véspera. As telas maio, julho e outubro/21 subiram, 7, 4 e 1 ponto, respectivamente. Os demais vencimentos, a longo prazo, recuaram entre 2 e 4 pontos.

Segundo a Reuters o real atingiu nesta quinta-feira o mais alto nível desde julho frente ao dólar, "movimento que tende a reduzir as fixações de preços do Brasil (...) Operadores disseram que o açúcar está se consolidando em um intervalo limitado, embora o ímpeto recente de alta tenha se perdido".

Londres

Em Londres o açúcar branco fechou em alta em todas as telas. O vencimento março/21 foi negociado em US$ 403,60 a tonelada, valorização de 2,50 dólares no comparativo com a véspera. Já a tela maio/21 subiu 2,30 dólares negociada em 397,90 dólares a tonelada. Os demais contratos subiram entre 30 cents e 1,50 dólar.

Mercado doméstico

No mercado interno o açúcar cristal voltou a subir depois de dois dias seguidos em queda. O indicador Cepea/Esalq, da USP, foi negociado ontem em R$ 109,06 a saca de 50 quilos, contra R$ 107,92 da véspera, alta de 1,06% no comparativo entre as datas.

Etanol diário

O etanol hidratado, por sua vez, fechou pelo segundo dia em baixa no Indicador Diário Paulínia, com o metro cúbico negociado em R$ 2.111,50, desvalorização de 0,12% no comparativo com a véspera.
Rogério Mian
Fonte: Agência UDOP de Notícias
Copyright© 2008 - UDOP.
Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução, desde que citada a fonte.