Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Diminui volume programado para embarque de açúcar nos portos
Publicado em 14/05/2021 às 15h30
Foto Notícia
Porto Alegre, 14 de maio de 2021 -- O total de navios que aguarda para embarcar açúcar nos portos brasileiros estava em 56 na semana encerrada em 12 de maio, contra 58 na semana anterior (05), de acordo com levantamento realizado pela agência marítima Williams Brasil. Conforme o relatório, foi agendado carregamento de 2,372 milhões de toneladas de açúcar, ante 2,492 milhões de toneladas na semana anterior.

Pelo Porto de Santos (SP) deve ser carregada a maior parte (1.782.852 toneladas). Depois aparecem o porto de Paranaguá, no Paraná (534.509 toneladas), e Maceió, nas Alagoas (54.700 toneladas). A carga de açúcar a ser exportada consiste da variedade VHP (2.299.052 toneladas), e Cristal B150 (73.009 toneladas). O relatório da agência leva em conta as embarcações já ancoradas, as que estão em largo esperando atracação e ainda as com previsão de chegada até o dia 16 de junho.

Produção de açúcar cai 25% em abril

Conforme novo relatório de acompanhamento da safra da União da Indústria da Cana-de-Açúcar (UNICA), o volume de cana moída na safra 2021/22 diminuiu 25,44% no Centro-Sul, atingindo 45,259 milhões de toneladas entre 01 de abril e 01 de maio, ante 60,702 milhões de toneladas no mesmo período de 2020/21.

Já a produção de açúcar recuou 28,51%, totalizando 2,148 milhões de toneladas, contra 3,005 milhões. A produção de etanol total caiu 22,14%, atingindo 2,017 bilhões de litros. Já a produção de anidro recuou 27%, para 448 milhões de litros, enquanto a de hidratado diminuiu 20,54%, para 1,569 bilhão de litros.

A proporção de cana colhida direcionada para a produção de açúcar na safra 2021/22 está em 42,68%, ante 43,78% na temporada passada. Já o mix do etanol aumentou de 56,22% para 57,32%.
Fonte: Agência SAFRAS
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.