Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
[Cepea] Indicador do milho sobe mais de 6% na parcial de março
Publicado em 14/03/2022 às 15h00
Foto Notícia
Com as demandas interna e externa aquecidas, as cotações do milho estão em alta no Brasil, segundo informações do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq-USP.

O Indicador Esalq/BM&FBovespa com base em Campinas (SP) subiu 5,52% de 4 a 11 de março, fechando a R$ 103,57 por saca de 60 kg na sexta-feira, 11. Na parcial de março (de 25 de fevereiro a 11 de março), o avanço é de 6,4%.

Segundo os pesquisadores, os consumidores brasileiros têm necessidade de adquirir novos lotes, mas esbarram na retração de vendedores e/ou nos altos patamares de preços praticados no mercado à vista.

"Agora, demandantes estão ainda mais apreensivos, tendo em vista que a nova valorização dos combustíveis deve encarecer o frete e, consequentemente, os custos", relata o Cepea, em nota.

Quanto à demanda internacional pelo milho brasileiro, os pesquisadores relatam que ela tem sido intensificada diante do conflito entre a Rússia e a Ucrânia, que tem resultado em mudanças em rotas de exportadores e em aumento da procura pelo cereal sul-americano.
Fonte: Cepea/Esalq
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas