Este site utiliza cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Ao continuar navegando
você concorda com nossa política de privacidade. Política de Privacidade

Facebook
Instagram
Linkedin
Twitter
Youtube
Fale Conosco
Custo do frete dificulta envio de hidratado de outros estados para São Paulo, diz Cepea
Publicado em 24/05/2022 às 14h38
Na semana passada, diminuiu o fluxo de etanol hidratado de estados do Centro-Sul -- em especial grandes produtores como Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás -- para São Paulo, afirma o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq-USP.

"Em alguns casos, agentes do mercado têm sentido dificuldade em colocar produto em São Paulo, devido ao maior custo de transferência, sobretudo pela valorização do óleo diesel", diz o centro de estudos em boletim. "No caso específico de Goiás, a alternativa tem sido o envio de etanol hidratado para os estados do Nordeste".

O volume de negócios na semana passada foi pequeno, de acordo com o Cepea, em virtude da menor presença dos compradores. Vendedores, em compensação, tentam segurar os preços; chuvas nos dias 14 e 15 de maio atrapalharam a colheita e deram suporte às cotações.

Para o Cepea, ainda não há tendência definida para os preços de etanol hidratado e anidro na safra 2022/23. "Ainda assim, os patamares atuais de ambos os biocombustíveis estão superiores aos do mesmo período de anos anteriores".
Fonte: Agência Estado
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Mais Lidas