Sábado, 23 de setembro de 2017
:
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia | Energia | Espaço Datagro
Etanol | Fórum de Articulistas | Investing.com | Investing.com Internacionais | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Diversas Aumentar a letra    Diminuir a letra
Renuka começa a pagar créditos trabalhistas e fornecedores no dia 5, diz fonte  

04/07/2017 - A Renuka do Brasil, grupo sucroenergético em recuperação judicial com duas usinas de cana-de-açúcar no Estado de São Paulo, começa a pagar a partir de quarta-feira, dia 5, as 12 parcelas de créditos trabalhistas, de fornecedores estratégicos e de pequenas e microempresas, disse uma fonte com conhecimento direto do assunto nesta segunda-feira.

Os recursos para esses pagamentos virão do fluxo de caixa da Renuka do Brasil, subsidiária da maior produtora de açúcar bruto da Índia, acrescentou a fonte, na condição de anonimato. Não havia informações sobre o total devido a esses credores menores.

A indiana Shree Renuka Sugars iniciou investimentos no país em 2010, tendo sido atingida juntamente com o restante do setor por baixos preços do açúcar e pelo controle de preços de combustíveis que vigorou em governos anteriores.

A Renuka do Brasil tem dívida de cerca de 2,7 bilhões de reais.

O pagamento dos credores menores, como fornecedores de cana e trabalhadores da empresa, faz parte do processo da companhia para sair da recuperação judicial.

Já o pagamento dos grandes credores, o que incluem instituições financeiras, vai se dar com o dinheiro levantado após o leilão da Usina Revati, em Brejo Alegre (SP).

O pregão da Revati deverá acontecer em 4 de setembro, 90 dias após a homologação pela Justiça do aditamento no plano de recuperação aprovado no fim de maio.

O processo de recuperação judicial da Renuka do Brasil se arrasta desde outubro de 2015.

No ano passado, os credores chegaram a aprovar um plano que previa a venda da Usina Madhu, em Promissão (SP). A unidade foi a leilão em dezembro por 700 milhões de reais, mas não atraiu interessados.

Para janeiro deste ano, estava previsto outro leilão da Madhu, com lances livres. O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no entanto, pediu a suspensão do pregão, por ser titular das garantias hipotecárias.

Desde então, a companhia vinha tentando marcar outras assembleias para tratar da situação da empresa, inclusive com uma proposta de leilão da Revati, a qual se concretizou em maio.

A Revati, que tem capacidade instalada para moer 4 milhões de toneladas de cana por safra, deve ser leiloada como uma Unidade Produtiva Isolada (UPI), ou seja, sem pendências para o comprador. Com o dinheiro a ser arrecadado em uma eventual venda, a Renuka do Brasil espera pagar 30 por cento do crédito dos bancos.

As duas unidades da companhia podem processar mais de 10,5 milhões de toneladas de cana por safra.

03/07/17
José Roberto Gomes

Fonte: Reuters
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
22/09/17 - Jalles Machado e IAC lançam variedades de cana adaptadas às condições de Cerrado
  - Empresa vai produzir etanol de soja
  - Chuva vem com força em Outubro e garante plantio da safra
  - Conselho da Cosan Logística aprova aumento de capital no valor de R$750 mi
  - Preços do açúcar fecham mistos em Nova York; Londres tem dia de queda
  - Conheça as vantagens do etanol
21/09/17 - UDOP manifesta pesar pelo falecimento de Maria Angélica Rezende Barbosa
  - Recuperação da estrada AVA10 que é ligada a Diana Bioenergia está a todo vapor
  - Fila de navios para embarcar açúcar no Brasil diminui a 50 na semana, diz Williams
  - Por que Gestão Lean no Agronegócio?
  - Furacões geram impactos no mercado de açúcar e preços sobem
19/09/17 - Caramuru aposta em usina de etanol de soja
  - Diana Bioenergia doa 200 KG de açúcar para hospitais
25/08/17 - Raízen Energia nega que irá se habilitar para leilão de usina da Renuka
03/07/17 - Usina da região é atingida por incêndio
02/05/17 - Assembleia de credores da Renuka não é instalada por falta de quórum
20/12/16 - Primeiro leilão de usina do grupo Renuka termina sem comprador
16/11/16 - Em recuperação judicial, Renuka vai leiloar usina por R$ 700 milhões
18/10/16 - Novo CEO da Renuka assume desafio de sanear grupo e cumprir compromissos com credores
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Renuka começa a pagar créditos trabalhistas e fornecedores no dia 5, diz fonte
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário:
 
Se não consegue ler a palavra, clique aqui.
Digite a palavra:
 
A UDOP

• Associadas
• Associe-se
• Estrutura Administrativa
• Nossa História
• Missão, Visão e Objetivos
• Medalha da Agroenergia
• Serviços Prestados
• Vídeo Institucional
• Apoio Cultural
• Contatos
Institucional

• Comitês de Gestão
• Convênios e Parcerias
• Legislação
• Sustentabilidade
UniUDOP

• A UniUDOP
• Agenda
• Aulas/Palestras
• Comitês de Gestão
• Congresso Nacional da Bioenergia
• Pós-Graduação
• Qualifica
• Seminário/Workshop
• Apoio Cultural
Imprensa

• Agência UDOP de Notícias
• Últimas Notícias
• Fórum de Articulistas
• Galerias de Fotos
• Mídias Sociais
• RSS
• TV UDOP
• Apoio Cultural
• Contatos
Dados de Mercado

• Boletins
• Comércio Exterior
• Consecana
• Cotações
• Indicador - Açúcar
• Indicador - Etanol
• Produção Brasileira
Serviços

• Biblioteca Virtual
• Bolsa de Empregos
• Bolsa de Negócios
• Calendário de Eventos
• Guia de Empresas
• Índice Pluviométrico
• Pesquisas UDOP
• Previsão do Tempo
• Usinas/Destilarias
Mapas

• Usinas/Destilarias
• Bacias Hidrográficas
UDOP - União dos Produtores de Bioenergia
Praça João Pessoa, 26 - Centro - 16.010-450 - Araçatuba/SP - tel/fax: +55 (18) 2103-0528

2012 - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento:
/