UDOP - União Nacional da Bioenergia
EDITORIAS
Agência UDOP | Açúcar | Biodiesel | Cana-de-Açúcar | Combustíveis Fósseis | Diversas | Economia
Energia | Espaço Datagro | Etanol | Fórum de Articulistas | Opinião | TV UDOP | Últimas Notícias
Combustíveis Fósseis Aumentar a letra    Diminuir a letra
Petróleo Brent deve ficar em média em US$ 60 o barril em 2020, prevê DoE  

14/11/2019 - O Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) dos Estados Unidos afirma, em seu relatório de curto prazo sobre o setor de energia, que o preço do barril do petróleo tipo Brent deve ficar em média em US$ 60 em 2020, inferior à média de US$ 64 projetada para 2019. O petróleo WTI, por sua vez, deve ficar em média US$ 5,50 mais barato (US$ 54,50) que o Brent ao longo de 2020, informa ainda o órgão.

O DoE diz que, baseando-se em dados preliminares e em seus modelos, estima que os Estados Unidos tenham exportado 140 mil barris por dia (bpd) a mais de petróleo e derivados em setembro do que importou. Em outubro, as exportações totais excederam as importações em 550 mil bpd. Caso os números se confirmem, o DoE diz que será a primeira vez em que os EUA exportaram mais petróleo do que importaram desde o início desses registros, em 1949.

Os mercados de petróleo ficaram em uma margem relativamente restrita em outubro, após um quadro de mais volatilidade em setembro por causa de um ataque contra locais de produção da Arábia Saudita, diz o relatório. Uma série de indícios sugere que alguns dos riscos à oferta e à demanda que afetavam os participantes do mercado no terceiro trimestre começaram a diminuir, afirma o texto. "A produção da Arábia Saudita retornou aos níveis pré-ataque", nota. Parte da atividade econômica segue mais fraca do que a média recente, como o caso da China, diz o DoE, mas bancos centrais têm relaxado mais sua política, o que pode apoiar gastos de capital e outros gastos em investimentos.

O DoE diz ainda que projeta que os estoques dos EUA no quarto trimestre de 2019 devem aumentar mais, o que coloca "moderada pressão de baixa sobre os preços do petróleo".

13/11/19
Fonte: Estadão Conteúdo
Texto extraído da revista Isto É
Notícias de outros veículos são oferecidas como mera prestação de serviço
e não refletem necessariamente a visão da UDOP.
Enviar por e-mail Imprimir
Clipping de Notícias UDOP
Inscreva-se e receba as novidades do setor.
    
Notícias Relacionadas
11/12/19 - EUA devem se tornar exportador líquido de petróleo em 2020, diz AIE
  - Produção de petróleo da Venezuela em novembro tem maior nível desde aperto em sanções
10/12/19 - Petrobras vende campos terrestres na Bacia Potiguar por US$266 mi
09/12/19 - Opep e sócios vão reduzir produção em mais 500 mil barris diários
  - China amplia importações de petróleo, minério de ferro e cobre em novembro
06/12/19 - Arábia Saudita e Rússia ganham apoio para ampliar cortes na produção de petróleo
  - Opep+ decide cortar mais 500 mil bpd; nova reunião ocorrerá em março, dizem fontes
  - Preços do petróleo têm pouca alteração, apesar de plano da Opep para novos cortes
  - Opep e aliados chegam a acordo para aprofundar cortes de produção
05/12/19 - Estoques de petróleo dos EUA caem mais que o esperado, aponta DoE
Para enviar a notícia, basta preencher o formulário abaixo.
Todos os campos são de preenchimento obrigatório!
 
Petróleo Brent deve ficar em média em US$ 60 o barril em 2020, prevê DoE
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Destinatário:
E-mail destinatário:
(separe mais de um e-mail por ,)
Comentário: